Nova pagina 5

CAPA

EXPEDIENTE

Plantão/História

Prefeitos

Vereadores

Política

Eleições 92 a 04

Câmara Municipal

Executivo Municipal

Imprensa

Rádio Santana

Fotos

 

Especiais

Três anos
sem Medicina

Anteriores

 

 

  Ponta Grossa - Paraná -  

“Porta-voz” do “Pró-Medicina”
critica curso suspenso por Requião

Em 2003, o governador Requião suspendeu o Curso de Medicina da UEPG, causando a revolta da população. O “Movimento Pró-Medicina” escolheu o vice-governador Orlando Pessuti para intermediar as negociações entre a cidade e o governo do Estado. Ontem, mais de três anos depois, durante entrevista coletiva, Pessuti foi questionado sobre o assunto e criticou o curso que a cidade perdeu, por decreto do atual governador. E disse que o futuro Hospital Regional é caminho para a volta de Medicina da Universidade.


Pessuti destaca apoios em Ponta Grossa para vitória de Requião
Na opinião do vice-governador, o prefeito Wosgrau, tem uma participação importante na campanha. Citou, também, deputado Jocelito Canto e o deputado eleito Péricles de Mello, “além de outros tantos companheiros que aqui estão e que, durante o primeiro turno, estiveram conosco e os que certamente virão, agora, noturno final”.

  Wosgrau diz que Requião precisa mostrar o que fez
Para reverter o quadro do 1º turno em P. Grossa, segundo o prefeito, Requião “tem que mostrar, cada vez mais, aquilo que fez e dizer qual é o seu plano de governo para os próximos quatro anos, e acredito que a comunidade vai novamente confiar em Requião para governar o Paraná”.

MP pede esclarecimento sobre falta
de repasse de verbas ao Bom Jesus

Procon divulga campeões
de reclamação em setembro

No ranking de setembro, a empresa K&S Service é a campeã de reclamações, com 10 processos. Em seguida vêm a Brasil Telecom, com 9 processos, e a Service Master, com 7.

Eleições 2006

Entre

Orlando Pessuti disse que, ganhando a eleição, pode nem mesmo assumir sua vaga no Tribunal de Contas. Falou que prefere, mesmo, continuar na política, contribuindo para com a população paranaense. Mas, ao que parece, o atual vice-governador do Estado prefere permanecer na política, mas, sem correr qualquer risco, tanto que se preveniu ganhando espaço no TC. Se ficar, o bicho não pega, se correr, o bicho não come!(Leia mais)

 

Osni Gomes
com
as notícias de Curitiba e do Paraná
INFORME CAPITAL

Caio Alencar
com as as informações sobre os  times da Capital

PASSE PERFEITO

Fiscal flagra despejo irregular de resíduos


Governo garante água para Colônia Trindade


Cesta básica sofre pequena queda em PG


Começa Encontro Esportivo da Melhor Idade

 

Procon de Ponta Grossa implanta o 151


Inadimplência volta a subir na região


Tratorista é preso com espingarda


Camerata Florianópolis é atração de hoje