Ponta Grossa
Cidade de Vila Velha
Princesa dos Campos Gerais

 

 



 

 

 

 

 

 

Ponta Grossa, quarta-feira, 28 de outubro de 2009
 
Governo anuncia promoção aos
professores e servidores das escolas

A secretária de Estado da Administração e da Previdência, Maria Marta Lunardon, anunciou na reunião da Escola de Governo desta terça-feira (27), em Curitiba, que o governador Roberto Requião autorizou a implantação de promoções e progressões ao magistério e a servidores das escolas estaduais e do Quadro Próprio do Poder Executivo.

A secretária informou ainda o cronograma dessa implantação.

Leia também:

Política
»
Mainardes instaura Sindicância
para investigar denúncias

» Jocelito defende continuidade
das ações na Segurança Pública
Geral
»
Limpeza de túmulos
deve ser feita até domingo

» Audiência Pública debate
melhorias para a cidade

» Comércio prepara o ‘Natal dos Sonhos’
» Projovem beneficia 250 adolescentes
» O que abre e o que fecha
nesta quarta em Ponta Grossa

» 1ºBPM forma 39 policiais militares
no curso de condutor de viatura

» PG decide com Maringá o título
do voleibol feminino

» Basquete de cadeirantes
movimenta Telêmaco Borba

» Telêmaco Borba foi palco
internacional de capoeira

» Curso de inglês pode proporcionar
intercâmbio para jovens carentes

» Em Castro, “Carta aos meus pais”
premia os melhores trabalhos

» Prefeitura de Castro fará recesso
na sexta, Dia do Funcionário Público

» Cinema Itinerante chega a Telêmaco
com sessões gratuitas à comunidade

Ao todo, serão 45.200 promoções e progressões a servidores públicos estaduais. Dessas, 26.600 são a professores da rede estadual de ensino. Outras 6.500 a funcionários das escolas. As demais 12.100 se referem a trabalhadores do quadro próprio, entre agentes de apoio (funções de ensino fundamental, como auxiliares) e agentes de execução (funções de ensino médio, como técnicos).

Com a implantação de todas essas promoções e progressões serão despendidos cerca de R$ 41 milhões. Esse acréscimo na folha de pagamento será possível de ser executado, destacou a secretária, graças à eficiente gestão das finanças do Estado, conduzida pelas secretarias do Planejamento e da Fazenda.

 “Eu sou aqui apenas a porta-voz dessa boa notícia, porque a fixação desse cronograma de implantação das promoções e progressões em quantidades e montantes tão significativos é resultado do esforço e do empenho dos técnicos do Planejamento e da Fazenda. E também da Secretaria da Educação, já que parte dessas despesas serão cobertas por repasses [de fundos específicos para a área de educação]”, assinalou Maria Marta.

Datas
A secretária da Administração explicou que a implementação das promoções e progressões dos agentes de apoio e de execução do quadro próprio ocorrerá na folha de pagamento de novembro (depósito do salário no dia 30 do mês que vem). Também na folha de novembro serão implantadas progressões do magistério.

Em dezembro (a data estimada é dia 11) serão pagos valores retroativos, do período de outubro do ano passado a setembro deste ano, de promoções de professores (inclusive daqueles que se capacitaram no Programa de Desenvolvimento Educacional, PDE). E, ainda, de promoções retroativas dos servidores das escolas (Quadro dos Funcionários da Educação Básica), do período compreendido entre junho e agosto deste ano.

“O Paraná é o único Estado da federação que, mesmo num ano de crise como este, pelo terceiro ano consecutivo concedeu reajuste geral a todo o funcionalismo e, agora, garante avanço na tabela salarial a três importantes quadros de servidores”, salientou Maria Marta. “O aumento da remuneração do funcionalismo é investimento na economia paranaense”, acrescentou o governador.

 

 

 

Plantão da Cidade OnLine - Rua Antônio Vieira, 295 - Bairro São José - Ponta Grossa - PR
Jornalista Responsável: Luiz Carlos Castilho
 - RPR (MT) - 4450
Comercial: Maria Jacira Castilho - Telefones: (42) 3028-2377 - (42) 9119-1523
- As informações e conceitos emitidos em colunas, matérias e artigos assinados são de inteira
responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do Plantão da Cidade