Nova pagina 5

CAPA

EXPEDIENTE

Plantão/História

Prefeitos

Vereadores

Política

Eleições 92 a 04

Câmara Municipal

Executivo Municipal

Imprensa

Rádio Santana

Fotos

 

Especiais


Três anos
sem Medicina

"Excepcional, é saber que vale a pena acreditar"!

Anteriores


Um passeio pela História de
Ponta Grossa

  Ponta Grossa - Paraná -  

Projeto de Jocelito obriga governo
a divulgar gastos com propaganda

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembléia aprovou, nesta terça-feira, projeto  assinado pelo deputado Jocelito Canto, que dispõe sobre a divulgação dos custos com publicidade realizados pelo governo do Estado. Os custos relacionados a todo processo de produção, divulgação e veiculação da peça publicitária devem ser inseridos no próprio anúncio. “Assim, se o governo comprar um espaço de 30 segundos em uma rádio, ele vai ter que reservar uma parte deste para divulgar o custo da publicidade”, exemplifica o deputado.


Deputada acusa Jocelito Canto
de falta de decoro parlamentar

A deputada Elza Correia reagiu de forma indignada quando Jocelito acusou os deputados de votarem projetos imorais e ilegais, somente para atender aos interesses do governador Roberto Requião. Para ela, a acusação foi gravíssima e fere ao decoro parlamentar. A deputada desafiou o deputado a provar o que disse, ou dar “nome aos bois”.

  Traficante da “cracolândia” é
preso com meio quilo de crack

Emerson Luis Carneiro Vargas, o "Gordo", 22 anos, foi preso na tarde de ontem, em operação realizada na Vila Boa Vista, em localidade denominada “Cracolândia”. Na casa onde a PM apreendeu meio quilo de crack, revólver calibre 38 municiado, produtos eletrônicos provenientes de furtos e arrombamentos na região, aparelhos eletrônicos e mais de R$ 400,00

Edson Praczyk questiona
Casa Civil sobre Pessuti
no Tribunal de Contas

SOS entrega 250 kits em
programa de incentivo
à consulta pós-parto

Selma vai reapresentar emenda
que beneficia pólo de confecções

De última hora: Por volta da meia noite de ontem, o deputado Jocelito Canto entrou em contato com este colunista e falou sobre as declarações da deputada Elza Correia. Jocelito, que estava em Brasília, acompanhado do cartorário Valter Sâmara, disse que não falou que os deputados estão votando projetos “ilegais”. Mas, admitiu ter pronunciado que são votados projetos “imorais”, corrigindo, depois: “Projetos que são legais, mas, que o povo considera imorais”. Por exemplo, nepotismo e aumento para os secretários estaduais. Canto reclamou que a bancada aliada vota com o governo, mas que, na hora de atender às reivindicações, o PMDB é quem leva vantagem. (Leia mais)

Assembléia aprova Piso
Social Complementar

 Assim, os funcionários estaduais deverão receber a diferença salarial até que se complemente a remuneração mínima de R$ 580,00 por mês. Também foram aprovadas quatro emendas, que ampliam os benefícios e corrigem situações de ordem legal e constitucional do projeto.


Agora também nas bancas


PCdoB de Ponta Grossa
terá convenção eleitoral


TJ mantém por unanimidade ação
sobre pedágio na Justiça Estadual

As discussões jurídicas sobre os valores do pedágio cobrados pela Rodonorte serão feitas na Justiça Estadual. Por unanimidade, os desembargadores do TJ determinaram que a competência para julgar a ação proposta pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) é da própria Justiça do Paraná.

 

 "O direito de pagar a metade"


Governo fará campanha para ajudar
produtores de carne suína do Paraná


Requião libera mais R$ 12 milhões para atender crianças e adolescentes



 

 

 


 


 

Calendário Eleitoral - 2006